Hoje a Soir-Jaa está mais pobre, perdeu um amigo e um companheiro de palco. O Pedro Palma participou em enumeras peças da SOIR, já depois de deixar de participar como actor, voltava frequentemente a esta sua outra casa, fosse para apresentar as suas propostas de cartaz, que fez para várias peças, fosse para iniciar a noite ou fosse para fazer apenas uma visita, trazendo-nos o seu humor, a sua boa disposição e a sua amizade.
Ao Pedro resta-nos agradecer todas as horas de alegria que nos deu, todas as suas cantorias, toda a sua amizade, todas as horas passadas a organizar o festival, a carregar cenário e a ensaiar, e todas as oportunidades que tivemos de apreciar o seu talento e de partilhar o palco.
O Pedro era um dos imprescindíveis que passou pela nossa casa, parte hoje um membro da família da “Joaquim António”, resta-nos aplaudir como se faz a todos os enormes actores, e dizer-lhe que a nossa luta continua, a luta em que também ele acreditava, por uma sociedade melhor e mais justa.
Até sempre, amigo.

Pedro Palma em “Olha Que dois”